A Produção Orgânica com Promotora de Novas Ruralidades?

Este artigo, fruto de uma pesquisa de doutorado realizada entre produtores rurais do sul de Minas Gerais, pretende apresentar os novos arranjos, alianças e conflitos que surgem do encontro entre dois tipos de atores sociais no âmbito das associações de produtores orgânicos. A título de análise denominamos tais atores como “neorurais locais” e “neorurais forasteiros”, sendo os primeiros, agricultores familiares que passaram a produzir para o mercado a partir das técnicas orgânicas de produção, e os segundos, citadinos que migram dos grandes centros urbanos e vão buscar no campo um ideal de vida pautado na convivência harmônica com o mundo natural, supostamente livre da poluição, do barulho e do stress das grandes cidades.

Saiba mais: http://www.ifch.unicamp.br/ojs/index.php/ruris/article/download/2301/1693&hl=pt-BR&sa=X&scisig=AAGBfm0WLj7ww-tc8KNWq-0NW2Ppoq8cNA&nossl=1&oi=scholaralrt

Anúncios
Esse post foi publicado em Notícias. Bookmark o link permanente.